Mostrando itens por marcador: GNV

NOTA DE ESCLARECIMENTO - Acidente em posto de combustível no Stiep

A Companhia de Gás da Bahia – Bahiagás esclarece que, assim que tomou conhecimento da explosão no Posto Flamingo, no bairro do Stiep, na manhã desta quarta-feira (11/08/2021), durante abastecimento de veículo com gás natural veicular (GNV), encaminhou imediatamente técnicos da empresa até o local, que prontamente fizeram o bloqueio da estação de abastecimento de gás, interrompendo o fornecimento do combustível para o posto.

A Bahiagás esclarece, ainda, que a estação de gás natural da Companhia localizada no posto não ficou comprometida após o acidente e se mantém segura, sem riscos de vazamento. Por medida de segurança, técnicos da Bahiagás permaneceram no local acompanhando os trabalhos do Corpo de Bombeiros e da Defesa Civil de Salvador. A empresa aguarda o resultado da apuração pelos órgãos competentes, sobre as causas do acidente.

A Companhia se solidariza com as vítimas e reforça a preocupação com a saúde e segurança de todos. Para mais esclarecimentos, colocamos à disposição da população o telefone do SAC da Bahiagás: 0800 071 9111.

Ônibus movido a GNV circula em Salvador até fim de outubro

Já está em circulação, na linha Aeroporto - Praia do Forte, em fase de demonstração, o primeiro ônibus movido a gás natural veicular (GNV) e biometano do país. Ele foi apresentado oficialmente na manhã de quarta-feira (21), durante percurso do Farol da Barra até o Centro Administrativo da Bahia (CAB). O veículo, que ficaria em Salvador até segunda-feira (26), teve a estadia prorrogada até 31 de outubro, atendendo a população com os mesmos preços de passagens que já vinham sendo praticados no trajeto.


Com capacidade para até 110 passageiros, o ônibus oferece ambiente climatizado, plataforma elevatória para acessibilidade e entradas USB. Antes de Salvador, o novo equipamento passou por outras capitais do país com o objetivo de mostrar na prática os benefícios que o uso de combustíveis mais limpos em veículos de grande porte proporciona à população.


“O uso do GNV em um veículo como este de grande circulação diminui a emissão de gases poluentes no ar que respiramos. Isso significa proporcionar mais saúde e qualidade de vida às pessoas. Então, se as grandes cidades passarem a adotar equipamentos como esse, será um grande ganho para a saúde pública”, enfatiza o diretor-presidente da Companhia de Gás da Bahia, Luiz Gavazza, que promove a estadia do novo ônibus em Salvador em parceria com a Secretaria de Infraestrutura do Estado da Bahia (Seinfra) e a Scania (fabricante do veículo).


Para o secretário de Infraestrutura do Estado, Marcus Cavalcanti, o período de demonstração servirá para que a gestão estadual possa avaliar futuras licitações de transporte. “Nós estamos fazendo esse período de teste por dois motivos: trazer uma redução do valor da tarifa para o usuário na futura licitação e poder ter uma transição para combustíveis ambientalmente mais corretos. É uma experiência para avaliar o custo desse veículo em comparação com o veículo movido a diesel”, observa.


De acordo com o gerente de Vendas de Soluções de Mobilidade da Scania no Brasil, Fábio D´Angelo, o ônibus movido a gás pode reduzir o custo operacional. “Com dezenas de demonstrações feitas desde 2014, já comprovamos a viabilidade na comparação com o diesel. Levando em conta os atuais preços praticados dos dois combustíveis, a redução do custo por quilômetro rodado pode ser de até 20%”, explica.


Durante a passagem por Salvador, sob a administração da Atlântico Transportes e Turismo (empresa que faz a linha Aeroporto – Praia do Forte), o ônibus funciona no período da manhã, a partir das 6h, e à tarde, a partir das 15h, sempre seguindo todas as orientações de higiene e segurança como parte do combate à Covid-19.

Primeiro ônibus do país movido a GNV e biometano vem a Salvador

A partir da próxima quarta-feira (21), as ruas da capital baiana contarão, pela primeira vez, com a circulação de um ônibus movido a gás natural veicular (GNV) e biometano. Trata-se de uma ação da Companhia de Gás da Bahia – Bahiagás, em parceria com a Secretaria de Infraestrutura do Estado da Bahia (Seinfra) e a montadora Scania, com o objetivo de demonstrar os benefícios econômicos e ambientais do uso do combustível no transporte público, bem como estimular a futura adoção deste tipo de equipamento.

O ônibus, climatizado, com plataforma elevatória e capacidade para até 110 passageiros, fará a linha Salvador – Praia do Forte, pela empresa Atlântico Transportes e Turismo, até segunda-feira (26), com os mesmos preços de passagens já praticados no trajeto. Durante esse período, o veículo vai operar seguindo as orientações de higiene e segurança como parte do combate à Covid-19.

“Esta fase de demonstração do novo equipamento da Scania é muito importante para que as autoridades, os empresários do setor e a própria população percebam as vantagens de usar o GNV também nas frotas do transporte coletivo, diminuindo a emissão de poluentes e trazendo mais economicidade. Isso abre uma perspectiva para que, futuramente, este tipo de veículo possa fazer parte do nosso cotidiano”, destaca o diretor-presidente da Bahiagás, Luiz Gavazza.

Ter ações como essa permite atuar no presente visando o futuro. A Bahia é líder na produção de energia eólica, energia solar, tem alto potencial de biomassa e está crescendo com o gás natural. “Essa demonstração vai mostrar que é possível utilizar veículos a gás e que, além da economia, também será importante para o meio ambiente. O estado segue dando sua contribuição para que o Acordo de Paris, aceito pelo Brasil em 2016, seja cumprido com o objetivo de minimizar a ameaça da mudança climática no mundo”, ressalta o secretário estadual de Infraestrutura, Marcus Cavalcanti.

Benefícios ambientais

Na comparação com o diesel, um dos principais benefícios proporcionados por este ônibus é a preservação do meio ambiente.  “A dependência 100% ao diesel fica mais difícil do ponto de vista da sustentabilidade para melhorar o planeta e o bem estar da sociedade. Neste momento, o ideal para o Brasil é o ônibus movido a gás natural veicular (GNV) e biometano, que se enquadra nos três pilares sustentáveis: econômico, social e ambiental”, afirma o gerente de Vendas de Soluções de Mobilidade da Scania no Brasil, Fábio D´Angelo.

“Nossa solução para a mobilidade urbana sustentável e eficiente contribui para a redução das emissões dos gases de efeito estufa (CO2), de material particulado e óxido de nitrogênio (NOx), extremamente nocivos para o ser humano”, acrescenta.

Outro ponto relevante é a diminuição do custo operacional ao proprietário. A depender das condições de operação e levando em conta os atuais preços praticados dos dois combustíveis, a redução do custo por quilômetro rodado pode ser de até 20%. Além disso, o motor chega a ser 20% mais silencioso do que outros similares a diesel.

Bahiagás conclui obras em Salvador e Amélia Rodrigues

Visando expandir a oferta de gás natural por todo o estado, a Bahiagás concluiu recentemente mais dois empreendimentos: o gasoduto da Avenida Sete de Setembro, em Salvador, e a ligação do Posto Serve Bem, em Amélia Rodrigues.

 

O gasoduto da Avenida Sete de Setembro, com cerca de 1.400 m, proporcionará a oferta de gás natural aos empreendimentos existentes e futuros no local. “Esta obra teve início em novembro de 2019, e, infelizmente, enfrentou dificuldades trazidas pela pandemia do novo coronavírus, inclusive com paralisação temporária das atividades”, explica o coordenador de Engenharia, Lucas Santana. “Apesar dos desafios, a obra foi concluída com êxito pela Companhia”, completou.

 

Outra novidade é o Posto Serve Bem, no município de Amélia Rodrigues, que passou a atender os clientes de GNV desde o dia 09/07. “Este foi o primeiro dos quatros postos que serão ligados esse ano nessa importante região do estado”, afirmou Lucas, destacando que os outros três postos ligados pela Companhia estão situados em Feira de Santana.

Bahiagás reduz tarifa do gás natural

A partir do dia 1º de maio de 2020, a Companhia de Gás da Bahia – Bahiagás reduzirá as tarifas do gás natural em 9,14% (média de todos os segmentos atendidos), conforme resolução da Agência Estadual de Regulação de Serviços Públicos de Energia, Transportes e Comunicações da Bahia (Agerba), publicada no Diário Oficial do Estado, no dia 30 de abril de 2020. A redução é justificada pela variação do preço de aquisição do energético junto à principal supridora da Companhia, a Petrobras.

 

Para o segmento automotivo (gás natural veicular - GNV), o decréscimo será de 7,94% no valor do gás comercializado pela Bahiagás aos postos. A redução consolida ainda mais a vantagem econômica do GNV em relação aos combustíveis líquidos concorrentes.

 

Vale salientar que o preço do GNV que será praticado para os usuários finais é de total responsabilidade de cada posto de combustível, não tendo a Companhia qualquer ingerência sobre a definição deste valor.

 

A Bahiagás destaca que, além da vantagem comercial, o gás natural proporciona uma série de benefícios aos usuários. Ele é mais prático, seguro e ambientalmente mais correto. Além disso, trata-se de um combustível versátil, que pode ser usado de diferentes formas em variados segmentos.

 

Registramos, finalmente, que seguimos cumprindo a nossa missão de forma cuidadosa, segura e confiável, na prestação do serviço essencial de distribuição de gás canalizado no estado da Bahia, assegurando, a todos os usuários da Bahiagás, a garantia de abastecimento neste delicado momento por que passa a sociedade baiana.

Postos com GNV

O mapa abaixo exibe a localização dos postos que fornecem GNV. É possível ampliar o mapa e clicar no ícone dos postos para visualizar mais detalhes como nome do posto, endereço e bandeira.

Bahiagás garante fornecimento de GNV nos postos de combustíveis

A Companhia de Gás da Bahia ( Bahiagás) esclarece que a paralisação dos caminhoneiros contra a alta no preço dos combustíveis líquidos não afeta o fornecimento do Gás Natural Veicular (GNV) no estado. O GNV distribuído é realizado através de gasoduto, o que possibilita um fluxo contínuo e sem riscos de desabastecimento para o mercado.


A Bahiagás frisa que o uso do GNV proporciona uma economia de cerca de 50% nos gastos com combustíveis. Os mais beneficiados são os usuários que rodam mais de 100 km por dia, pois conseguem recuperar o investimento da conversão em poucos meses.
Em caso de dúvidas colocamos à disposição o número de atendimento para mais informações: 0800 071 9111.

Vantagens do Gás Natural Veicular (GNV) chegam à cidade de Ilhéus

Os proprietários de automóveis da cidade de Ilhéus, localizada a 446 km de Salvador, já contam, desde o final do mês de março, com a opção do Gás Natural Veicular (GNV). Acaba de entrar em operação o ponto de abastecimento para veículos que utilizam o combustível, no Posto Iguape. A novidade é uma demanda antiga dos motoristas da região, que antes precisavam se deslocar até à cidade vizinha de Itabuna, para utilizar o energético.
As instalações da Companhia de Gás da Bahia – Bahiagás já estavam prontas e aguardavam apenas as adequações do posto de combustíveis para iniciar o fornecimento. Segundo informações da Gerência Comercial de Grandes Clientes (Gecog) da Companhia, já havia uma demanda reprimida na cidade, com um número razoável de automóveis convertidos para o uso do GNV, gerando, portanto, um grande potencial de vendas para o combustível no município e na região.
Em Itabuna, o fornecimento de GNV teve início no ano de 2010. A cidade conta com uma unidade credenciada ao Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia – Inmetro, para certificação da instalação dos Kits GNV, mas ainda não tem uma oficina instaladora devidamente autorizada pelo órgão. Esse é mais um ponto positivo para a cidade de Ilhéus, que já inicia o suprimento do combustível com uma convertedora homologada pelo Inmetro. O posto além de contar com os usuários que já utilizam o energético, vai ter também a possibilidade de expansão do mercado, com a facilidade que os proprietários encontram para converter os seus veículos.

Aumento das vendas

A Bahiagás e o novo cliente estão com expectativas muito positivas em relação às vendas do GNV. A base de comparação é o posto de combustíveis em funcionamento na cidade vizinha, que trabalha com a média de vendas de 100 mil metros cúbicos por mês. Em Salvador, um posto de combustíveis com um bom fluxo, chega a vender, em média, 200 mil metros cúbicos por mês. Existem tratativas para a entrada em operação de novos postos fornecendo o energético nas duas cidades. E isso cria uma tendência de dinamizar também o negócio das oficinas credenciadas.
“A entrada em operação do Posto Iguape amplia as vendas da Companhia na região e beneficia também os usuários, que vão poder desfrutar das vantagens competitivas do GNV, que proporciona economia de até 50%, frente ao uso da gasolina, sem ter que se deslocar para outra cidade para abastecer os seus veículos”, destaca o gerente Comercial de Grandes Clientes da Bahiagás, José Carlos Bittencourt Jr. Segundo ele, a Companhia estuda a realização de uma campanha de divulgação dos novos parceiros e das vantagens do uso do energético na região.

Segurança no abastecimento com GNV

Você sabe qual a forma mais segura de abastecer com o GNV? E como proceder numa situação de emergência com o combustível? Se não, agora você pode tirar essas e outras dúvidas no vídeo ‘Segurança no Abastecimento com GNV’. Esta é uma iniciativa do Programa Abasteça Seguro com GNV, que promove ações voltadas para a segurança dos usuários e dos trabalhadores responsáveis pelo abastecimento dos veículos.

Automotivo

O gás natural veicular (GNV) é o mesmo gás natural utilizado na indústria, residências e estabelecimentos comerciais. Porém, sua queima é mais limpa que a da gasolina, do álcool e do diesel, o que proporciona redução da emissão de poluentes.

Vantagens do GNV

  • Economia de até 50% nos gastos com combustível.
  • É mais seguro quanto ao manuseio, já que a temperatura de ignição é superior;
  • O abastecimento é feito sem contato com o ar, evitando possibilidades de combustão;
  • Tem menor densidade que o ar, se dissipando facilmente em caso de vazamento;
  • Armazenamento em cilindros resistentes, inclusive, ao impacto de projéteis de armas de fogo;
  • Aumento do intervalo das trocas de óleo e das velas de ignição;
  • Aumento da vida útil do motor;

Conversão para veículos

Para converter o veículo ao uso do GNV, são necessário equipamentos basicamente formados por:

  • Conjunto de cilindros para acondicionar o GNV;
  • Redes de tubos de alta e baixa pressão;
  • Dispositivo regulador de pressão;
  • Válvula de abastecimento;
  • Dispositivo de troca de combustível;
  • Indicadores de condições do sistema; 

- Cuidados com a conversão:

Os veículos que utilizam o GNV devem ser adaptados exclusivamente em oficinas credenciadas (deve ser exigido o Comprovante de Segurança Veicular – CSV, expedido pelas oficinas credenciadas pelo INMETRO). 

Abastecimento


Ver o mapa ampliado

 

LINKS ÚTEIS:

Pesquisa de Preços ANP

Massa específica do GNV

Lista de Convertedores

Assinar este feed RSS