Mostrando itens por marcador: Bahiagás

Atleta patrocinada pela Bahiagás é medalhista nos Jogos Pan-Americanos

 

A ciclista baiana Paola Reis, atleta patrocinada pela Bahiagás pelo quarto ano consecutivo, conquistou, no dia 9 de agosto, a medalha de prata na categoria Ciclismo BMX nos Jogos Pan-Americanos Lima 2019. A prova foi vencida pela colombiana Mariana Pajón.

Paôla Reis chegou à final com o melhor tempo de sua semifinal. Na disputa decisiva, a brasileira melhorou sua performance e terminou o percurso com o tempo de 37.583. Outra brasileira na prova, Priscilla Stevaux terminou na quarta colocação com 38.122.

Na volta para Salvador, Paola, acompanhada pelo treinador Leonardo Gonçalves, visitou a sede da Bahiagás, onde foi recebida pelo diretor-presidente da Companhia, Luiz Gavazza. Na ocasião, ela aproveitou para agradecer o apoio da empresa. “Esse incentivo tem sido fundamental para o desenvolvimento da minha carreira”, destacou. 

“Paola é um jovem talento do esporte baiano e que tem conseguido excelentes resultados. Temos orgulho de fazer parte dessa história de sucesso”, concluiu o gestor da Bahiagás.

Bahiagás patrocina quarta edição da Caravana da Inclusão Cultural

O Espaço Cultural Boca de Brasa, localizado no bairro de Coutos, proporcionou uma experiência mágica para as diversas crianças que realizam atividades no local, na tarde da última quinta-feira (22). Os alunos assistiram à peça “Juntos Somos Mais Fortes” da Companhia de Teatro da Apae Salvador, livremente inspirada na obra “Os Saltimbancos”. O espetáculo faz parte da IV Edição do Caravana de Inclusão Cultural, iniciativa contemplada no Edital de Patrocínio 2018-2019 da Bahiagás.

A montagem conta a história de quatro bichos, que abandonam seus donos por causa dos maus tratos e vão em busca da liberdade. A peça tem a presença de dez atores em cena, a maioria deles com síndrome de Down. “Quando entro no palco, me sinto confiante, mostro meu talento. Eu amo o teatro e esse amor sempre esteve dentro de mim. Já nasci com esse amor”, conta a atriz Débora Pereira, 29 anos, portadora da síndrome, e que dá vida a uma gata durante a encenação. 

De acordo com a superintendente executiva da Apae, Ângela Ventura, a ação é importante para mostrar que as pessoas com deficiência também são muito talentosas. “Estamos trazendo esse protagonismo a esses artistas”, finalizou.

A programação da IV Edição da Caravana de Inclusão Cultural acontece até quarta-feira (28), com a exposição “Mulheres Negras”, do artista Leonardo Vieira. O evento também contou com o show “Danado de Bom”, da Banda Opaxorô, que prestou homenagem a Luiz Gonzaga, e a montagem “Alice no País da Diversidade”, que contou a história de Alice, uma jovem com síndrome de Down que cai na toca do coelho e vai parar no País da Diversidade.   

 

Bahiagás sedia encontro da Abegás

 

A Bahiagás sediou, na quarta-feira (12), o X Encontro das Concessionárias do Nordeste filiadas à Abegás (Associação Brasileira das Empresas Distribuidoras de Gás Canalizado), realizado no Quality Hotel, no Stiep. O evento, que contou com a presença de representantes de distribuidoras de gás natural da região, teve o objetivo de apresentar os resultados preliminares da Chamada Pública Coordenada e discutir a adaptação das companhias às questões legais que envolvem o mercado de gás.

Conforme foi apresentado no encontro, durante o período da Chamada Pública Coordenada para aquisição de gás natural, nove empresas enviaram propostas para as distribuidoras participantes: Bahiagás, Algás (Alagoas), Cegás (Ceará), PBgás (Paraíba), Copergás (Pernambuco), Potigás (Rio Grande do Norte) e Sergás (Sergipe). Ao todo, foram 22 propostas com um total de 38 modalidades de suprimento oferecidas. Entre os próximos passos a serem dados estão a reunião com a Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) e análise do perfil da demanda.

 “É muito importante este momento com a presença das companhias para a compreensão e nivelamento das informações sobre a Chamada Pública por parte de todos os participantes deste processo”, ressaltou a diretora técnica e comercial da Bahiagás, Gabriela Damasceno.

 Arcabouço legal

 Convidado para o encontro, o procurador do Estado da Bahia, Ailton Cardozo, falou sobre a adaptação das concessionárias de gás natural do Nordeste ao novo arcabouço legal (nova Lei das Estatais – Lei nº 13.303/16; alteração da Lei de Inovação – Lei nº 13.243/16) e estratégias de contratação.

Cardozo chamou a atenção para a necessidade de parcerias como forma de tornar as distribuidoras mais competitivas. “Temos que ter uma visão de novos instrumentos de contratação, diferente do que a gente vem fazendo ao longo dos anos. A criação de novas parcerias estratégicas é um instrumento muito relevante e eu acho que essa sinergia entre as empresas do Nordeste pode permitir a gente avançar nesse sentido”, disse.

 Consórcio Nordeste

 Conforme destacou o diretor-presidente da Bahiagás, Luiz Gavazza, a união de diferentes concessionárias nordestinas de gás natural, para a realização de uma Chamada Pública conjunta, segue o rumo do Consórcio Nordeste, criado em março deste ano, sob liderança do governador Rui Costa, e que prevê parceria em projetos econômicos, políticos, infraestrutural e social entre os estados que compõem a região.

 “Com a soma dos nossos esforços, vamos usar melhor as coisas positivas que temos alcançado e desenvolver parcerias. E a união dos estados do Nordeste vai proporcionar, ainda mais, o crescimento da região”, ressaltou o gestor da companhia baiana.

 Para o diretor-presidente da Cegás, Hugo Figueiredo, o evento foi produtivo. “Este encontro foi fundamental para estabelecermos uma série de parcerias, a começar pela compra conjunta de gás natural”, observou. “Neste momento de muitas mudanças no país, é importante que haja uma sinergia entre os estados do Nordeste para que a gente consiga, juntos, ter mais força de negociação”, acrescentou a diretora-presidente da Potigas, Larissa Dantas. “A Bahia liderou esse processo quando tomou a iniciativa de fazer uma Chamada Pública para aquisição de gás natural. Agora estamos todos integrados nesta ideia”, completou o diretor-presidente da Algás, Arnóbio Cavalcanti.

Bahiagás assina Protocolo de Intenções em Vitória da Conquista

Para marcar o início de um estudo técnico que vai avaliar a viabilidade do gás natural em Vitória da Conquista, na sexta-feira (07), o diretor-presidente da Bahiagás, Luiz Gavazza, se encontrou com o prefeito da cidade, Herzem Gusmão, para assinar o Protocolo de Intenções. O ato simbólico aconteceu na Secretaria Municipal do Trabalho, Renda e Desenvolvimento Econômico (Semtre) do município.

A assinatura do documento confirma o compromisso que a Bahiagás já havia firmado com Vitória da Conquista, durante evento realizado no município, em janeiro deste ano. Na ocasião, Gavazza explicou que, antes de levar o gás natural à terceira maior cidade da Bahia, é preciso um estudo de viabilidade técnica para analisar o mercado local, as formas de aproveitamento do energético nos empreendimentos e os riscos do negócio.

 

Se o resultado do estudo for positivo para a viabilidade, o gás natural vai incrementar o crescimento local.  “O Governo do Estado entende que o gás natural é um meio de levar o desenvolvimento às variadas cidades da Bahia. E essa parceria com Vitória da Conquista faz com que este energético sirva de mola propulsora para ampliar mais ainda as condições para o desenvolvimento da cidade e da região”, salientou Luiz Gavazza.

Conforme ele explicou, ao se confirmar este cenário, o segmento automotivo (GNV) deverá ser o primeiro atendido em Vitória da Conquista, podendo, inclusive, chegar ao município antes mesmo das cidades que serão atendidas pelo Duto de Distribuição do Sudoeste da Bahia – Gás Sudoeste (ainda em fase de construção).

 

Gavazza também falou sobre os avanços já ocorridos desde a apresentação das possibilidades do gás natural em Vitória da Conquista, realizada em janeiro. “Já avançamos na elaboração do arcabouço legal necessário para a construção das redes locais [de gasodutos]. Além disso, já estamos na fase de conclusão do processo licitatório para contratação da empresa que vai realizar a pesquisa do mercado local”, explicou.

 

Para o prefeito Herzem Gusmão, a assinatura do protocolo representa benefícios para a cidade. “Tenho a convicção de que Vitória da Conquista avança. E eu entendo que a assinatura desta parceria com a Bahiagás é de grande valia para o nosso município”, comentou.

 

 

Bahiagás participa de ação de conclusão do projeto Dente de Leite

A Bahiagás marcou presença, na quinta-feira (29), no evento de fechamento das atividades do primeiro semestre do projeto Dente de Leite, que faz parte da Associação Desportiva Comunitária Campo Limpo, em Feira de Santana. A iniciativa, selecionada no Edital de Patrocínios 2018/2019, aconteceu no Ginásio Oyama Pinto, e contou com campeonatos internos nas modalidades Natação, Futsal e Futebol.

 Segundo o coordenador do projeto, Jefferson Roberto, o Dente de Leite visa a iniciação esportiva de crianças e adolescentes, de 5 a 16 anos, com vários tipos de modalidades e equipes multidisciplinares. “São jovens em situação de vulnerabilidade social, moradores de bairros periféricos da cidade, e que aqui podem fazer do esporte uma ferramenta para ascensão”, explica, destacando que para participar do projeto é necessário estar matriculado e ter bom rendimento escolar. “Aqui formamos mais que atletas, mas também alunos, filhos e cidadãos”.

 De acordo com Jefferson, atualmente cerca de 450 crianças e adolescentes são beneficiadas pela iniciativa. “Temos vários tipos de modalidades como futebol, futsal, natação, handebol, jiu-jitsu, karatê, pilates, além de uma equipe multidisciplinar formada por psicólogos, nutricionistas, fisioterapeuta, educadores físicos, assistente social e assistência jurídica”.

 Acompanhando o evento, o mecânico Edcarlos Santos, pai do jovem Carlos Eduardo, atleta do sub-10, destacou a melhoria do rendimento escolar do filho após ingressar no Dente de Leite. “As notas dele melhoraram muito depois que passou a fazer parte do projeto. Esse incentivo é fundamental para a molecada”, afirmou. “A gente percebe como os professores são atenciosos e respeitosos com esses jovens. Tem muitos meninos e meninas bons aqui, que só precisavam desse incentivo”.

 

Rede urbana de gás natural de Itabuna está maior

A cidade de Itabuna, primeira da Região Sul do estado a ser atendida pela Bahiagás, tem recebido contínuos investimentos, desde o seu ingresso na rede de fornecimento de gás natural, em 2010. De lá para cá, o atendimento aos segmentos industrial, comercial e automotivo (GNV) tem levado benefícios para os diversos usuários do energético. No início de abril, a população itabunense se beneficiou com mais uma investida da Bahiagás no município: a ampliação da rede urbana de distribuição do bairro Jardim Vitória.

Com isso, a Companhia aumentou sua capacidade de atendimento às lojas, panificadoras, restaurantes e prédios residenciais do local. O projeto interligou o duto já existente na região, responsável pelo atendimento ao Hotel Tarik Fontes, favorecendo a chegada do energético para um conjunto muito maior de ruas do bairro.

A obra de instalação dos cinco quilômetros de dutos, 25 válvulas de bloqueio e 17 caixas de válvulas, foi concluída na metade do tempo previsto - quatro meses de trabalho, frente a um contrato de nove meses. A redução do prazo de conclusão do projeto resultou num custo final menor do que o orçado inicialmente, e na possibilidade de atendimento ainda mais breve aos clientes já prospectados pela Bahiagás.

Também foram reparados, no decurso da realização do serviço, os ramais do Condomínio Vila Verde e do Bairro Nossa Senhora de Fátima. Este último havia sido danificado em incidente ocorrido durante intervenção de uma concessionária local, e o seu reparo possibilita o fornecimento do energético ao Hospital Manoel Novaes e a estabelecimentos comerciais da região.

Bahiagás reduz tarifa do gás natural

A Companhia de Gás da Bahia – Bahiagás informa que, desde o dia 1º de maio de 2019, reduziu em 0,66% (média percentual de todos os segmentos) o valor da tarifa do gás natural. O reajuste aconteceu devido à variação do preço de aquisição do energético junto à Petrobras, ocorrida neste mês, e que ocorre a cada trimestre.

No segmento automotivo, o valor da tarifa repassada aos postos de combustíveis teve uma redução de 0,58%. Com isso, o gás natural veicular (GNV), que já era considerado mais vantajoso em ralação aos combustíveis líquidos concorrentes, se torna ainda mais competitivo.

Os clientes industriais também serão beneficiados com um reajuste de - 0,66%. Já o segmento residencial sofreu uma redução da tarifa de 0,35%. A queda no segmento comercial foi de 0,44%.

A Bahiagás ressalta que o gás natural é um energético que proporciona uma série de vantagens aos usuários. Ele é mais prático, seguro, econômico e ambientalmente mais correto. Além disso, trata-se de um combustível versátil, que pode ser usado de diferentes formas nos variados segmentos.

Cervejaria Petrópolis amplia consumo do gás natural com a aplicação em empilhadeiras

A Cervejaria Petrópolis ampliou o seu consumo do gás natural com a aplicação do combustível em empilhadeiras. Inicialmente, cinco empilhadeiras já foram convertidas. O sistema instalado vai abastecer 14 máquinas, com consumo aproximado de 16 mil m3/mês. Após a ampliação da fábrica, localizada no município de Alagoinhas, o volume poderá chegar a 30 mil m3/mês.

A cervejaria é o primeiro cliente da Bahia a utilizar o gás natural para aplicação em empilhadeiras e, por ser um importante cliente, o projeto poderá abrir novas oportunidades para outras aplicações similares na base de clientes da Companhia.

Novo contrato

A Bahiagás e a Cervejaria Petrópolis assinaram recentemente um novo contrato, conforme resolução AGERBA, na modalidade firme inflexível e com prazo de vigência até 31 de dezembro de 2023. A tecnologia do sistema de compressão é de propriedade da ASPRO GNV, modelo LF 50-4, sendo equipado com um compressor com carenagem, motor 60 HP e painel on board à prova de explosão incorporado no skid do compressor; estocagem 2 x 3 com 625 litros de capacidade hidráulica e painel prioritário; uma coluna de carga com duas mangueiras para abastecimento; e um medidor de vazão. A cervejaria contratou a GNC Distribuidora para o turn key, ficando responsável pela documentação técnica/regularidade da obra.

Projeto capacita mulheres negras para produção de artesanato

 

O projeto Mulheres Negras: Capacitando para Produzir, selecionado no último Edital de Patrocínios da Bahiagás, promoveu, gratuitamente, entre novembro e dezembro do ano passado, a oficina Produção de Artesanato Empreendedor, voltada para mulheres de comunidades quilombolas de diferentes cidades. Na sexta-feira (22), no Centro Cultural Gonzagão, em Entre Rios, aconteceu a entrega dos certificados para as alunas.

 Durante o evento, as mulheres do projeto fizeram uma exposição e venda dos objetos que construíram durante o curso. Eram diversos produtos, como panos bordados, bolsas de palha, bonecas e flores artificiais, divididos em cinco estandes, cada um representando uma cidade participante da oficina (Conde, Alagoinhas e Entre Rios).

 “Essa produção depois será apresentada em Salvador, no mês de março, na área de comércio de artesanatos do Salvador Shopping. A ideia é que essas mulheres deem continuidade ao que aprenderam no curso e comercializem seus produtos de forma independente”, explicou o coordenador do projeto, Ezequiel Santos.

 Para Léa Santos, uma das alunas da oficina, participar do projeto transformou sua vida. “Moro num lugar pequeno e sem renda. Passei por uma fase bem difícil. Então, esse curso veio num momento muito bom e me abriu portas”, contou.

 “Foi muito gratificante. Todas nós conseguimos aprender e vamos continuar seguindo com esse trabalho, e sendo cada vez mais felizes”, concluiu a aluna Andréia Anunciação.

 Para a relações públicas da Bahiagás, Cáren Cruz, que representou a Companhia no evento, iniciativas como esta só trazem benefícios paras as comunidades envolvidas. “Hoje foram 40 mulheres, mas percebemos que isso terá continuidade, porque elas se tornarão multiplicadoras e beneficiarão mais mulheres e assim sucessivamente. Este projeto tem um impacto muito positivo para o futuro delas. Por isso é tão importante”, declarou.

 Mulheres Negras

 O projeto Mulheres Negras é uma realização da Associação de Desenvolvimento do Litoral Norte e Agreste Baiano (Adelnor), que tem por objetivo capacitar mulheres negras de assentamentos rurais e quilombolas para o artesanato com foco na valorização da cultura negra, de modo a, também, gerar oportunidade de negócios para elas.

Obras do Gás Sudoeste avançam

Iniciadas em agosto do ano passado, as obras do Gás Sudoeste – Duto de Distribuição do Sudoeste do estado da Bahia já passaram de 50% de avanço físico. São mais de 57 km de tubos já enterrados e mais 2,2 km prestes a serem colocados, entre as cidades de Itagibá e Jequié

“Para a Bahiagás, é uma satisfação ver o desenvolvimento chegando a todo vapor a essa importante região do estado. O nosso objetivo é que, em breve, as empresas, o comércio, as residências e toda a população local possam usufruir dos benefícios do gás natural”, ressaltou o diretor-presidente da Bahiagás, Luiz Gavazza.

A construção do Gás Sudoeste faz parte da diretriz estratégica da Bahiagás de interiorização do gás natural na Bahia. Ele será o maior duto de distribuição do Nordeste e o segundo maior do país, com extensão prevista de 306 km, interligando os municípios de Itagibá e Brumado, passando por cidades como Jequié e Maracás, entre outras.

Na prática, o duto passará por 12 municípios, mas vai gerar impacto direto em 15 cidades do Sudoeste do estado. A chegada do gás natural levará muitos benefícios para a região. O energético atenderá indústrias, postos de combustíveis, estabelecimentos comerciais, grandes mineradoras, hotéis e residências.

Com estimativa de tempo de execução total de quatro anos (projeto e obra), o empreendimento está estimado em cerca de R$ 400 milhões, contabilizando as três etapas da obra (Itagibá – Jequié, Jequié – Maracás, Maracás – Brumado).

Assinar este feed RSS